IELT na National Geographic

Sara Silva, investigadora do IELT, é co-autora do trabalho Comparative phylogenetic analyses uncover the ancient roots of Indo-European folktales. O artigo, publicado na Royal Society Open Science, recebeu destaque na edição de março da revista National Geographic.

O trabalho, realizado em co-autoria com Jamie Tehrani (Centro para a Co-Evolução da Biologia e da Cultura), recorre à biologia para concluir que algumas histórias de transmissão oral têm heranças ancestrais comuns e remontam a um período entre 2500 a 6000 anos atrás. O estudo debruça-se sobre as origens dos contos tradicionais, em especial “Tales of Magic”, recorrendo a metodologias filogenéticas inicialmente usadas na biologia evolutiva e analisou 275 tipos de contos em 50 populações Indo-Europeias representadas no catálogo de Aarne Thompson Uther (ATU). Os resultados obtidos foram entusiasmantes e apontam para raízes bastante antigas de alguns contos, entre os quais “The Smith and the Devil”.

Pode ler o artigo completo em acesso aberto aqui e ler o artigo da National Geographic aqui.

 

 

Sugestões