Lançamento: Gonçalo M. Tavares: Ensaios, Aproximações, Entrevista

A NOVA FCSH recebe dia 7 de março (aud. 002, torre A, piso -1), pelas 17h, o lançamento do livro Gonçalo M. Tavares: Ensaios, Aproximações, Entrevista, de Madalena Vaz Pinto.

A ideia deste livro surgiu do desejo de dar a conhecer aos leitores de língua portuguesa um conjunto de ensaios críticos que contemplem a multiplicidade de suas criações e funcionem como exercícios de aproximação desta obra singular polifônica. Para isso foram convidados dez ensaístas, cinco brasileiros e cinco portugueses, que puderam se debruçar livremente sobre textos, coleções ou aspectos da obra do autor. O resultado acabou por constituir um amplo painel crítico desta trajetória, oferecendo ao leitor muitas possibilidades de aproximação e contato com a poética tavariana.

A entrada é livre.

Sumário
Apresentação – Madalena Vaz Pinto

De rotas da Índia. Os Lusíadas no Século XXI ou Dial M. for Murder – Jorge Fernandes da Silveira

A mecânica das fendas em O Reino – Lígia Bernardino

Pedalando entre o bem e o mal: Gonçalo M. Tavares e a poética das bicicletas – Luciana Salles

A caixa negra do mundo: apontamentos do Atlas – Luís Mourão

Aplicar Barthes: desenvoltura e procedimento em Gonçalo M. Tavares – Madalena Vaz Pinto

Acumular possibilidade é acalmar o MUNDO – ímpeto e uma certa ordem no projeto literário de Gonçalo M. Tavares: M. Graça Santos

A prática do espanto – Miguel Conde

Erotismo e não-sensos: uma leitura de Um Homem: Klaus Klump – Nathalia Corrêa Calmon

Matéria e pensamento: a poética investigativa de Gonçalo M. Tavares – Paloma Roriz

Quatro notas sobre a técnica n’O Reino de Gonçalo M. Tavares – Pedro Eiras

Pedalando contra o céu na era da técnica – Pedro Meneses

Sugestões