O Gharb al-Andalus nas raízes do misticismo de Ibn al-‘Arabî’

Quando se assinalam os 850 anos do nascimento de Ibn al-‘Arabî, Natália Nunes, investigadora do IELT – Instituto de Estudos de Literatura e Tradição, e António Rei, investigador do IEM – Instituto de Estudos Medievais, organizam o colóquio O Gharb al-Andalus nas raízes do misticismo de Ibn al-‘Arabî, no dia 29 de abril, às 14h, na Sala Multiusos 2 do Ed. ID da FCSH/NOVA.

Evocaremos assim o “maior dos mestres” (Shaykh al-Akbar), como é conhecido no mundo islâmico, e os seus legados místicos e culturais, nomeadamente a sua “religião do amor”, procurando identificar as simbioses, na Hispânia, entre o misticismo islâmico e a filosofia, a literatura e a arte.

Além dos organizadores, participam Fabrizio Boscaglia, Francisco Díaz e Dolores Villalba, que falarão sobre a marca que Ibn al-‘Arabî deixou na cultura ibérica e compararão o seu misticismo com o de Ramon Llull ou o de Fernando Pessoa. A entrada é livre. Programa completo aqui.

Recent Posts