Notícias passadas

Artigos: Desastres naturais e erosão costeira

24 de Novembro 2015

Aqui partilhamos informação sobre dois dos mais recentes artigos da investigadora do IELT Joana Gaspar de Freitas, em co-autoria com João Alveirinho Dias:

"“Enterrar os mortos e cuidar dos vivos”. Desastres naturais, respostas culturais: Sesimbra e o ciclone de 1941”, Davis Pereira de Paula e João Alveirinho Dias (org.), Ressacas do Mar / Temporais e Gestão Costeira, Fortaleza, Premius Editora, pp. 121-172.

– “Erosão costeira: perceções, impactes e estratégias de proteção. Os casos históricos de Espinho e do Furadouro (Portugal)”, Sílvia Dias Pereira, M. Antonieta C. Rodrigues, Sérgio Bergamaschi, Joana Gaspar de Freitas (editores), O Homem e as Zonas Costeiras. Tomo IV da Rede BrasPor, Rio de Janeiro, [e-book], pp. 180-198. 

A praia de Sesimbra depois do ciclone que no dia 15 de Fevereiro de 1941 deixou um rasto de destruição por todo o país, além de um grande número de mortos, feridos e desaparecidos.