Colóquio Almada em revista

O n.º 2 da Revista de História da Arte, edição do IHA – Instituto de História de Arte em colaboração com o IELT, reúne as comunicações do colóquio internacional que em novembro de 2013 assinalou os 120 anos do nascimento de José de Almada Negreiros e os 100 anos da sua primeira exposição. Tirando partido das possibilidades da edição eletrónica, juntam-se aos textos o registo vídeo das conferências, entrevistas a organizadores e participantes e ligações que permitem uma rápida navegação entre as muitas partes do extenso dossiê, separadas por fotografias que percorrem a vida de Almada. Um conjunto de recensões e notícias fecha este painel documentário do estado das ciências almadianas neste princípio de século.

A obra de Almada Negreiros é emblemática do século XX português no que ele teve de vanguardista. Mostrando o lugar que ocupa na estética moderna e os aspetos específicos da sua múltipla actividade artística (composições literárias, plásticas, teatrais), a figura e a experiência de Almada fica aqui actualizada em termos críticos e históricos, segundo leituras que cruzam diferentes linhas de interesse. Podendo explorar-se o seu papel no grupo de Orpheu e, depois, no quadro das gerações seguintes, até ao seu acordo importante, e inesperado, com os grupos surrealistas dos anos 50 e 60, que por essa via acabaram por ganhar uma tonalidade neo-órphica. Assim Almada Negreiros representa, através dos estudos apresentados, um fio condutor da arte e do pensamento na vida portuguesa.

Sugestões