Maiando o Maio

“Todos os anos, neste dia, a aldeia aguarda a chegada do vento quente que traz o ar carregado de perfumes especiais. Aqui, neste dia, tudo muda com a chegada da Bona Dea. Alguns dizem que são os tambores da terra a prepararem os campos…” Começa assim, na fala de Mafalda Saloio, o espectáculo-percurso Bona Dea, iniciativa integrada no projecto Maiando o Maio.

Coordenado pelas investigadoras Celeste Afonso e Teresa Perdigão, este projeto tem por missão recuperar e decifrar rituais e celebrações de maio e tem por mote “Da comunidade para a comunidade, perscrutando o nosso passado e traduzindo-o no nosso presente”. Depois de muitos encontros com a comunidade e associações do concelho de Óbidos, de algumas participações em jornadas subordinadas aos temas da memória e identidade, o projeto conseguiu presentificar memórias (quase) esquecidas e unir um concelho em volta de um espetáculo de todos e para todos. A não perder, em A-dos-Negros (Óbidos), dia 18 de maio, às 18h.

Recent Posts