Fátima Faria Roque

Doutorada em Estudos Portugueses, Especialidade em Estudos de Literatura, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, onde apresentou e defendeu a sua tese de doutoramento (2016) Saramago: escrever, interromper. Narrativas breves de José Saramago – problemáticas de um lugar discursivo, elaborada sob orientação da Prof.ª Doutora Silvina Rodrigues Lopes. Concluiu em 2010 uma Pós-Graduação em “Cultura Portuguesa Contemporânea: tempos, factos e autores”, pelo Instituto Camões, sendo ainda licenciada em Comunicação Social (1986), pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. Técnica Superior Assessora Principal na Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, a sua carreira profissional desenvolveu-se, ao longo dos últimos 30 anos, entre as áreas da comunicação e da cultura, tendo exercido cargos de dirigente de serviços em ambas as áreas (Chefe de Divisão de Informação e Diretora de Departamento de Cultura). Nos últimos anos o seu foco tem sido direcionado para a literatura e museologia, mais especificamente, para a ligação literatura/arte. Tem artigos publicados em revistas da especialidade e desenvolveu vários projetos de instalação e curadoria no Museu do Neo-Realismo. Atualmente, é Assessora da Direção, na Direção-Geral do Património Cultural.