IELT ganha projeto exploratório no Concurso FCT 2022

O projeto Espectralidade: Literatura e Artes (Portugal e Brasil) foi aprovado para financiamento pela FCT no Concurso de Projetos de I&D em Todos os Domínios Científicos 2022.

Perspetivada enquanto um problema vasto e rico, a ‘questão espectral’ tem sido alvo de diversas abordagens nas últimas décadas nas áreas dos estudos literários, dos estudos fílmicos, dos estudos de media, da teoria da arte e dos estudos culturais. Em Portugal, o estudo da espectralidade é ainda esparso, carecendo de aprofundamento e sistematização.

O objetivo deste projeto exploratório é criar condições para um estudo aprofundado da espectralidade na literatura em português e nas artes, com foco em Portugal e no Brasil, através de um mapeamento do tema que permita, ao mesmo tempo, reunir, sistematizar e analisar os trabalhos sobre o tópico conduzidos até ao momento, e potenciar um estudo aprofundado da imaginação espectral que contribua de forma inovadora para a leitura de conceitos, obras e autores ainda pouco discutidos nesta perspetiva.

Clara Rowland e José Bértolo são os investigadores responsáveis pelo projeto, sendo a restante equipa científica composta por Abel Barros Baptista, Amândio Reis, Humberto Brito, Joana Matos Frias, Joana Meirim, Margarida Medeiros, Maria Joana Melo e Pedro Sepúlveda.

Recent Posts